Você está aqui: Página Inicial » Gramática » Morfologia » Palavras denotativas

Morfologia

Texto:
por: Mariana Rigonatto

Palavras denotativas


As palavras denotativas são aquelas que não possuem nenhuma classificação morfológica específica em língua portuguesa.





As palavras denotativas podem ser classificadas equivocadamente por não pertencerem a uma classe morfológica
As palavras denotativas podem ser classificadas equivocadamente por não pertencerem a uma classe morfológica



Observe as palavras destacadas nas frases abaixo:

Todos funcionários receberam o prêmio, até os que estavam de férias.

Eu tenho vocação para babá!

Qual classificação você daria para essas palavras destacadas? Quando analisadas isoladamente, somos levados a pensar que se tratam, respectivamente, de uma preposição e um advérbio, não é mesmo? Entretanto, essas palavras são chamadas de denotativas porque não possuem uma classe morfológica específica e por não se encaixarem nos critérios morfológicos e sintáticos que definem essas classes.

Assim, essas palavras denotativas possuem classificação própria em relação ao sentido que acrescentam ao enunciado. Elas podem ser:

a) Palavras denotativas de inclusão: até, inclusive, mesmo, até mesmo, também.

Exemplo:

Todos ficaram impressionados com o resultado das vendas, inclusive o proprietário da loja.

b) Palavras denotativas de exclusão: apenas, senão, salvo, só, somente.

Exemplo:

Dos alunos que fizeram a prova, apenas os que estudaram muito conseguiram bons resultados.

c) Palavras denotativas de designação: eis.

Exemplo:

Eis o prefeito eleito!

d) Palavras denotativas de realce: cá, lá, só, é que.

Exemplo:

Ele é que não deve ser bobo de recusar a proposta do novo emprego.

e) Palavras denotativas de retificação: aliás, ou melhor, ou antes, isto é, melhor dizendo.

Exemplo:

Eu sabia, melhor dizendo, tinha quase certeza de que alcançaríamos a meta de vendas.

f) Palavras denotativas de situação: afinal, agora, então, mas, e aí.

Exemplo:

Mas como é mesmo o nome dela?